quinta-feira, 5 de maio de 2011

GINÁSTICA LABORAL

A ginástica laboral tem o objetivo de manter a saúde dos funcionários de determinado local de trabalho através de exercícios físicos direcionados para aquela atividade profissional e feitos durante o expediente. Esta atividade deve ser acompanhada e orientada por um profissional da saúde física (um educador físico), para que obtenham-se os resultados esperados.
Além de diminuir a carga de estresse por interromper o trabalho, a ginástica laboral ainda evita o sedentarismo. Esta prática pode pode melhorar muito o desempenho de um funcionário, além de evitar lesões por esforço repetitivo (LER) e outras doenças provocadas pelo trabalho contínuo e a falta de exercícios físicos. Por conta destes benefícios, ela ajuda a diminuir o afastamento dos funcionários da empresa.
A ginástica é composta por exercícios físicos, alongamentos, relaxamento muscular e flexibilidade das articulações, e é uma prática coletiva, promovendo a descontração e interação entre os colegas de trabalho. Além disso, ela age psicologicamente, ajudando a aumentar o poder de concentração e motivando-os em sua auto-estima.

Experimente os exercícios abaixo e diminua seu estresse de um longo dia de trabalho no computador
Para Relaxar
RESPIRAÇÃO PROFUNDA
É a mais fácil e eficaz técnica de relaxamento existente.Quando fazemos uma respiração rápida e ansiosa, significa que estamos debaixo de algum estresse. Então para reverter este processo,faça respirações profundas para interromper o efeito do cançasso e ajudá-lo a relaxar. Feche os olhos, expire completamente pela boca. Concentre-se no estômago e observe-o encolhendo assim que você expirar . Então inspire lentamente pelo nariz. Concentre-se em seu estômago expandindo assim que inspirar. Prenda a respiração por 5 segundos, em seguida, expire começando o ciclo novamente. Repita isso por pelo menos umas 5 vezes.
E para finalizar faça uma balançadinha de cachorro. Está rindo? é isso mesmo, imagine como os cachorros fazem para se secarem após o banho. Balance as seguintes partes do corpo: braços, pernas, pés, cabeça e finalmente os ombros. Você está pronto para recomeçar seu trabalho !


Exercitando a Face
É sempre difícil mantermos nossos rosto em bom estado enquanto trabalhamos. Uma simples técnica pode relaxar seus músculos faciais, principalmente os que ficam em torno dos olhos e testa. Faça esses exercícios enquanto trabalho, quantas vezes desejar.
OLHOS:
Assentado, aperte os olhos e feche sua boca bem apertada. Segure o movimento por pelo menos 5 segundos e relaxe. Repita-o por várias vezes

BOCA:
Este exercício pode ser feito em posição sentada ou de pé. Ajuda a alongar o maxilar e músculos faciais. Inicie olhando fixamente para frente com a boca fechada. Abra a boca e faça um som como se tivesse se expreguiçando de sono. Agora imagine-se comendo umas duas balas "chitas" ao mesmo tempo. Alongue sua boca em todas as direções por 10". Ou se preferir pode pronunciar as 5 vogais do alfabeto de maneira bem exagerada para que alongue os músculos do maxilar. Repita pelo menos umas 5 vezes.


Exercitando Punhos e Mãos
Os exercícios propostos abaixo são principalmente indicados para pessoas que trabalham com máquinas de datilografia,taquigrafia e computadores.

FLEXÃO DE DEDOS
Este exercício exige um pouco de concentração, mas poderá fazê-lo em sua própria mesa de trabalho, ajudando-lhe a relaxar as mãos através de uma movimentação dos músculos dos dedos.
Você pode se exercitar antes ou após o trabalho, mas se sentir cansado, poderá recorrer dele em qualquer parte do dia. Comece primeiramente colocando suas mãos em frente a você. Alongue seus dedos, estenda os até ficarem totalmente retos, inclusive os polegares, em seguida flexione as primeiras falanges dos dedos (a primeira articulação começando das unhas de acordo com a foto acima) em direção a palma das mãos. Se não conseguir fazer todos ao mesmo tempo, dobre cada um individualmente ajudando com a outra mão. Repita esse exercício de uma a duas vezes cada mão.

CAMINHADA DE DEDOS
De pé ou assentado mais ou menos 20 cm da parede, braços ao longo do corpo. Pense como se seus dedos fossem um inseto de 5 patas subindo uma parede. Deixe uma mão subir vagarosamente nela. Tente se movimentar sempre com a mão acima dos ombros, mas não inclua os ombros no movimento ou fique muito longe da parede. Dê uma voltinha e troque de mãos, repetindo todo o processo. Caso você passe muito tempo no computador esse exercício será seu melhor amigo para evitar doenças de articulações das mãos. Faça este exercício várias vezes ao dia de 5" a 5' para relaxar mãos e dedos.

ALONGAMENTO DAS MÃOS
Poderá tanto fazer uma mão de cada vez ou as duas juntas . Comece com as mãos na frente do corpo, olhando para a palma das mãos. Alongue primeiramente os polegares colocando sua ponta no outro lado da palma da mão e suavemente feche a mão. Abra-a em seguida alongando os dedos. Suavemente dobre os dedos para dentro da palma da mão e dobre o polegar sobre eles, sem apertar. Abra novamente a mão e alongue seus dedos novamente. Repita esse exercício de 3 a 4 vezes.

CONTRAÇÃO DE PALMA
Esse exercício ajuda a fortalecer os Punhos para aquelas intermináveis horas no teclado do computador ou máquina. Para obter melhores resultados, faça de preferência quando chegar ao trabalho e novamente ao cair da tarde.
Relaxe as mãos e Punhos com palmas viradas para cima. Levemente aperte seu pulso com a mão oposta. Segure por 5 segundos mantendo-os retos. Repita essa operação com a outra mão. O efeito vai gerar uma força isométrica na mão que está fazendo o aperto no pulso. Poderá fazer este exercício 2 vezes ao dia para obter melhores resultados.
MÃOS DE ORAÇÃO
Coloque ambas as mãos juntas como se estivesse em oração na frente da face, com cotovelos para fora e Punhos fletidos. Faça movimento uma em direção a outra de tal maneira que nenhuma possa forçar a outra com diferença mantendo numa posição central. Segure assim por 10" sentindo a força nos Punhos. Repita isso várias vezes. Não interrompa sua respiração durante o exercício, respire normalmente.

TOQUE DE PONTAS
Toque a ponta de cada dedo com o polegar, fazendo o contorno o mais redondo possível. Antes de tocar cada dedo abra a mão alongando todos os dedos. Esse exercício fácil poderá aumentar a mobilidade de seus dedos prevenindo doenças articulares.

AQUECIMENTO DO DIGITADOR
Faça esse exercício antes de começar seu trabalho todos os dias e novamente após o almoço para ajudar a aumentar a circulação nos músculos das mãos e Punhos.
Encolha os dedos na palma das mãos e em seguida relaxe. Repita isso por 5 a 6 vezes. Mexa seus dedos aleatoriamente para cima e para baixo. Esfregue as pontas dos dedos de uma das mãos com as pontas dos outros como se tivesse passando uma loção neles.

RELAXAMENTO DE PUNHOS
Este relaxamento deve ser feito várias vezes ao dia se você trabalha no computador . Feito regularmente, pode ajudar a prevenir doenças articulares dos dedos.
Comece com palmas voltadas para cima, cotovelos voltados para baixo tocando a cintura. Gire suas mãos para dentro de modo que elas fiquem voltadas uma para a outra, em seguida, gire os dedos até que fiquem voltados para baixo e vá mudando de direção em torno do pulso até voltar a posição inicial.

ALONGAMENTO DE E.T.
Esse exercício exige muita concentração e controle para alongar dedos individualmente. O maior desafio é manter os outros parados enquanto o outro se move. Repita esse exercício uma vez ao dia.
Descanse sua mão numa superfície reta, mova seu dedo mínimo em direção ao polegar o máximo que conseguir. Ainda mantendo sua mão reta, leve seu dedo médio até onde está o mínimo. Em seguida o dedo anular (do anel) também. Seu dedo mínimo provavelmente acompanhará seu outro dedo. Permita que ele vá. Comece com seu dedo mínimo novamente, e leve cada um dos dedos em direção ao polegar.

ALONGAMENTO DE PUNHOS
Esse alongamento é ótimo para alongar músculos dos Punhos de modo que não é feito no dia-a-dia em nossas atividades cotidianas, principalmente no computador.
Faça-o pelo menos 3 vezes ao dia ou quando sentir seus Punhos excessivamente contraídos. Descanse seu antebraço na quina de uma mesa. Segure os dedos de uma mão com a outra mão levemente dobre-os para traz alongando o pulso. Segure esta posição por 10 segundos. Repita o processo com a outra mão.

Exercitando os Ombros
Está sentindo o peso do mundo sobre os ombros? Esses exercícios vão lhe ajudar a aliviar a tensão e estresse sobre eles.

DOBRADIÇA
Este alongamento é melhor se feito de pé para facilitar o trabalho de ombros e tríceps (parte de traz do braço). Poderá fazer várias vezes ao dia ou há qualquer momento que sentir excesso de contração, tanto nos ombros como em seus membros superiores.
Leve seus braços para traz com palmas voltadas para baixo e segure por 10". Dobre os cotovelos como uma dobradiça, dedos apontado para frente e segure por mais 10". Repita isso por 10 vezes. Ao final faça um balanço de ombros, ora um para frente e outro para traz e vice-versa, como se tivesse dançando.

LEVANTAR VÔO
Esse exercício pode ser feito em pé ou assentado. Coloque as pontas dos dedos das mãos nos ombros. Cotovelos apontados para os lados. Empurre os cotovelos para traz o máximo que conseguir e depois para frente tentando tocar um no outro. Repita 10 vezes.
Agora mantenha ainda os dedos nos ombros e levante os cotovelos para cima e para baixo ao lado do corpo, como se fosse tentar voar. Repita 10 vezes.

RELAXAMENTO DE OMBROS
Este exercício deve ser feito pelo menos 3 vezes ao dia e seu objetivo é relaxar os ombros. Pode fazer um ombro de cada vez ou os dois juntos.
Sente-se ou fique de pé numa postura ereta. Levante os ombros o mais alto que puder. Leve-os para frente, abaixe-os, leve-os para traz e em seguida volte a posição inicial. Repita tudo na posição contrária e 3 a 5 vezes.

PRONTO PARA BRIGA
Seus ombros ligam 3 áreas de maior estresse relacionados a dor : cabeça, pescoço e costas. Quando aumentamos a flexibilidade dos ombros estamos beneficiando automaticamente o relaxamento de nossas costas e pescoço.
Sente-se em posição ereta numa cadeira. Levante seus braços de maneira que os cotovelos fiquem voltados para fora e as mãos para frente, na altura dos ombros. Mantenha suas mãos ainda na altura dos ombros e levante os cotovelos para cima , o mais alto que puder, isolando a pressão dos ombros. Repita pelo menos umas 15 vezes, sendo que as primeiras devem ser mais lentas e suaves e as outras mais rápidas e intensas, finalizando com as lentas e suaves de novo.


Exercitando as Costas
Retire a tensão das costas por estar sentado o dia todo em sua mesa com os exercícios abaixo .

SENTAR E ALCANÇAR
Este exercício fácil e rápido vai ajudá-lo a se aliviar da tensão do meio de suas costas que é resultado de estar sentado o dia todo.

Retire sua cadeira da mesa para ter espaço suficiente. Entrelace os dedos, vire a palma das mãos para fora a frente do corpo e alongue seus braços o mais longe que puder do seu corpo levando também os ombros a frente. Mantenha as costas eretas e braços paralelos a mesa. Vire-se para a direita e retorne ao centro. Vire-se para a esquerda e volte ao centro.


ALONGAMENTO DE GATO
Este exercício pode aliviar o estresse das costas e imita o alongamento de um gato quando acorda de um sono profundo.
Fique de pé e coloque suas mãos na mesa na largura dos ombros, assim como os pés no chão na mesma largura. Lentamente curve suas costas contraindo seu abdômem de maneira que sua cabeça caia para frente em direção ao peito. Mantenha por 10", em seguida relaxe suas costas um pouco jogando a pelvis e quadris para frente levantando a cabeça e ombros para traz. Mantenha por 10". Repita isso por 10 vezes pelo menos.

ALONGAMENTO DE COLUNA DE PÉ
Encoste sua cabeça ,costas e nádegas na parede ou porta e pés 20 cm de distância dela. Leve seu tronco arredondado e cabeça em direção aos joelhos e apoie as mãos nas coxas. Mantenha por 15-30". Volte a posição de pé lentamente.

ALONGAMENTO DE COLUNA ASSENTADO
Em posição assentado leve as mãos e estenda seus braços na frente do corpo. Lentamente vá levantando-os acima da cabeça ao mesmo tempo que inspira o ar profundamente. Ao expirar, deixe que seus braços, cabeça e ombros virem para baixo fazendo uma curvatura assentuada da coluna em direção ao chão. Curve as costas para frente, lentamente e suavemente alongue sua coluna. Repita por 5 vezes. 

Exercitando Pernas

Estes exercícios podem aliviar a tensão e enrigecimento de estar muito tempo na mesma posição assentada.

AGACHAMENTO DE PAREDE
Se você tem no escritório e 4 minutos disponíveis, pratique este exercício uma vez por dia . Fique de pé com as costas na parede e pés separados da mesma largura de seus ombros mais ou menos a mesma medida do comprimento de sua coxa de distância da parede. Assente-se mantendo os pés paralelos um com o outro e fique assimde 15-30". Fique de pé novamente sem hiperextender os joelhos. Repita isso por 5-10 vezes. Não flexione seus joelhos mais que noventa graus.

ALONGAMENTO DE MEMBROS INFERIORES
Este exercício é ótimo para membro inferior e pode ser feito assentado. Não só alonga os Ísquio-Tibiais (de traz da coxa) mas também trabalha os músculos do quadríceps (parte da frente da coxa).
Sente-se com sua lombar tocando o encosto da cadeira e coloque suas mãos embaixo de suas coxas. Puxe um de seus joelhos em direção ao peito e em seguida estenda essa perna para frente o máximo. Repita com a outra perna. Faça em torno de 5-10 vezes cada uma.

ALONGAMENTO DE ÍSQUIO-TIBIAIS
Para executar esse exercício vai precisar se levantar da cadeira. Faça 2 vezes ao dia, se possível.
De pé estenda uma perna a frente e mantenha a outra com o joelho flexionado atraz. Não exagere no passo a frente. Levante a ponta do pé e apoie o calcanhar do chão da perna da frente. Coloque ambas as mãos na perna fletida de traz, onde deve ser jogado todo o seu peso. Você deve sentir que está alongando atraz de sua perna da frente. Mantenha o alongamento de 10-15" . Em seguida volte a ponta do pé da frente no chão e mantenha de novo de 10-15". Repita o outro lado.

FLEXÃO DE JOELHOS
Fique de pé e segure uma cadeira ou mesa como suporte. Lentamente levante seu calcanhar do chão em direção as nádegas, mantendo o outro joelho semi-flexionado. Repita o exercício de 15-20 vezes cada lado. Para maior resultado , em casa pode usar caneleiras como sobrecarga.
ALONGAMENTO DE QUADRÍCEPS
Este é o melhor alongamento para o quadríceps (grupo de músculos da frente da coxa) . Pode sentir dificuldade no início mas com o tempo sua flexibilidade vai melhorando.
De pé ao lado de uma cadeira ou mesa para suporte, segure seu pé direito com sua mão esquerda por detraz do seu corpo (ou segure sua barra de calça). Force suavemente seu calcanhar em direção as nádegas e mantenha de 10-30". Seu joelho deve ficar apontado para o chão, ao invés de ficar apontado para fora. Repita de 2-3 vezes cada perna. Para melhorar seu equilíbrio vá tentando retirar sua mão da cadeira de suporte, pouco a pouco.

ROTAÇÃO DE QUADRIS
Segure uma cadeira para suporte. Leve uma das pernas a frente enquanto a outra fica semi-flexionada como apoio. Gire a ponta de seu pé da perda que está a frente para a direita e para a esquerda girando juntamente a perna toda. Repita de 15-20 vezes cada lado. Pratique em torno de 2-3 séries.

AGACHAMENTO
Segurando as costas de uma cadeira, com pés paralelos um com o outro e distantes da mesma largura de seus ombros, agache suavemente de modo que os joelhos permaneçam em cima dos seus pés, evitando que eles ultrapassem a ponta dos pés, para não estressar os joelhos. O quadril deve ir para traz e cabeça para frente com as costas retas. Volte a posição em pé sem que hiperextenda os joelhos. Repita de 15-20 vezes. Podendo praticar de 2-3 séries.


Exercitando o Pescoço
Normalmente sente dores no pescoço enquanto trabalha? Estes simples exercícios abaixo irão aliviar a tensão e ainda as dores de um longo dia no computador ou mesa de trabalho.

FORTALECIMENTO E ALONGAMENTOS DE PESCOÇO
Este exercício pode ser feito de pé ou assentado e fortalece os músculos do pescoço, ajudando a aliviar certos disconfortos da posição errada diária.

Com a cabeça reta coloque a palma de sua mão na testa e aperte para traz ao mesmo tempo que empurra sua cabeça para frente. Mantenha por 10-15" . Em seguida entrelace os dedos das mãos e coloque atraz da cabeça e force para frente ao mesmo tempo que a cabeça para traz. Mantenha de 10-15". Repita o exercício do lado direito e esquerdo também de sua cabeça. Finalmente relaxe sua cabeça e ombros deixando sua cabeça descançar colocando a orelha no ombro por 10-15" e depois no outro lado, em seguida coloque o queixo em direção ao peito e depois nuca nas costas mantendo ambos por 10-15 segundos. Tente não contrair os ombros enquanto executa tais exercícios. 



Exercitando Braços e Tronco
Estes exercícios podem aliviar a tensão e em posição comprometedora de teclar no computador ou escrever na mesa de trabalho.

PEGANDO UMA MAÇÃ
Este alongamento alivia a tensão dos braços, lateral do corpo e cintura.

Proporciona enorme prazer se feito lentamente, então não corra quando tiver intensão de praticá-lo. Faça este alogamento logo que chegar no trabalho e durante o trabalho quando sentir muita tensão ou dores. Alongue seus braços pra cima, um de cada vez, o mais alto que puder como se você fosse pegar uma maçã em uma árvore muito alta. Repita de 10-15 vezers, alternando os lados.

FLEXÃO DE BRAÇO EM PÉ
Estas flexões são mais fáceis do que aquelas militares feitas no solo e fortalecem braços, ombros e peitorais. Tudo que precisa é uma parede para se debruçar.
Fique de pé voltado pra parede, com seus pés separados mais ou menos 1 m da parede. Coloque a palma das mãos na altura dos ombros na parede. Dobre os cotovelos o máximo que puder sem que toque seu ante-braço na parede. Mantenha costas e cabeça alinhadas e pernas retas. Se empurre da parede para a posição inicial. Quanto mais estiver longe da parede vai irá aumentar a tensão do exercício, mas não exagere ao ponto de curvar as costas.

GIRO DE CINTURA
Fazer esse exercício várias vezes ao dia, com boa amplitude vai ajudar a prevenir aquela tensão no tronco de ficar o dia todo assentado.
Fique de pé com os pés afastados na mesma largura dos ombros. Segure nos ombros com os cotovelos para cima e gire-os para um lado e outro. Repita de 30-45 vezes.

ALONGAMENTO LATERAL
Este alongamento é bom para os braços e tronco. Feito lentamente vai também proporcionar relaxamento ao praticante. Fique de pé com pés afastadas mais que a distância dos ombros pra os lados. Tente não cair para a frente enquanto executa o movimento. Apoie a mão direita na perna direita e a mão esquerda leve para o lado direito lateralmente acima da cabeça, inclinando o corpo para o mesmo lado. Mantenha de 10-30 segundos. Repita com o outro lado. 

ALONGAMENTO DE PEITORAIS
Este é um bom alongamento para os músculos do peito após ficar muito tempo em posição sentada errada.
Entrelace os dedos atraz das costas com as palmas para dentro (palmas pra fora é mais difícil) e alongue os braços. Se possível levante as mãos para alongar mais. Leve seus ombros para traz e peito pra fora. Mantenha de 10-30". Repita de 5-10 vezes. 

ALOGAMENTO DE TRONCO
Este alongamento pode ser feito sentado na própria cadeira de trabalho. Alonga tronco e braços. Faça este exercício várias vezes ao dia, a fim de relaxar da tensão da posição sentada.
Sente-se numa cadeira sem rodinhas com ambos os pés no chão. Com sua mão direita tentando tocar as costas da cadeira do lado esquerdo , se precisar leve a mão esquerda para ajudar. Alcance o mais longe que puder de 10-30 segundos. Repita o processo de 2-3 vezes cada lado alternadamente
.

Exercitando Glúteos
Normalmente sente dores nas nádegas enquanto trabalha? Este simples exercício abaixo irá aliviar a tensão e ainda as dores de um longo dia de trabalho assentado .

CONTRAÇÃO DE GLÚTEOS
Se você fica sentado o dia todo ou não , geralmente ignora o quanto os glúteos geralmente são estressados durante o trabalho assentado.
Esse exercício de fortalecimento pode ser feito assentado na cadeira de trabalho ou ainda deitado em superfície plana com os joelhos flexionados. Sentado na cadeira contraia seus glúteos (contrair nádegas) mantendo de 10-30 segundos e então relaxe. Repita de 5-6 vezes. Concentre-se realmente nesta contração para obter bons resultados. 


Exercitando Pés e Tornozelos
O exercício abaixo irá aliviar a tensão e ainda as dores de um longo dia de trabalho com os pés em posição comprometedora sem circulação adequada.

ESCREVENDO O ALFABETO
Sentado na cadeira de trabalho, tire os sapatos, levante o pé de uma das pernas e escreva o alfabeto com o próprio pé imaginariamente no ar. Troque de pé e repita. Caso queira pode fazer de sapatos mas vai deixar de exercitar músculos importantes dos pés, dando ênfase apenas nos tornozelos e alguns dos pés.

ALONGAMENTO DE PANTURRILHAS E TORNOZELOS
Este alongamento vai favorecer os músculos que envolvem o tornozelo e panturrilhas. De pé, apoie as duas mãos na parede do escritório. Coloque um dos pés atraz de maneira que o calcanhar toque o solo enquanto a outra perna fica a frente com joelho flexionado. Vai sentir o alongamento atraz da perna, na região da panturrilha (músculos gastrocnêmio e sóleo) . Apoiando ainda na perna da frente retire o calcanhar do chão da outra perna e gire o pé para direita e esquerda lentamente no ar. Repita de 10-30"e troque a perna. Pode repetir o exercício de 2-3 vezes.


Fonte: http://www.cdof.com.br/gl4.htm#pes

Exercícios para a postura podem ajudar a combater celulite e gordura localizada

Boa postura ajuda a combater celulite e gordura localizada

 postura

Se você pensa que só mágica pode acabar com a celulite e a gordura localizada, a solução pode começar por uma caminho mais fácil do que você imagina. Segundo o fisioterapeuta Vidigal Afonso Gasparini, da CorpoEquilíbrio Fisioterapia Personalizada, um tratamento de correção postural melhora a circulação sanguínea, coloca a barriguinha para dentro e empina o bumbum.
Claro, só a  postura não resolve o problema, mas, com alimentação adequada, exercícios físicos e uma boa postura é possível, sim, acabar com a tão temida celulite. Ele diz também que existem tecnologias hoje em dia que atuam como coadjuvante do tratamento e aceleram o processo.

O fisioterapeuta explica que a má postura dificulta a circulação sanguínea e dos vasos linfáticos em áreas que ficam comprimidas pelos desvios posturais. Com problemas na circulação, o corpo acumula gordura e líquidos nessas regiões, que causam as celulites e gorduras localizadas. Além disso, os órgãos, quando comprimidos pela má postura, não funcionam corretamente, podendo apresentar diversos problemas, como intestino preso. Para ele, quanto mais próximo o organismo está da harmonia melhor e uma boa postura traz um bom funcionamento do corpo.
Além de combater a celulite, a boa postura gera benefícios estéticos imediatos. Diversos desvios posturais fazem aparecer gordura onde não há tanta assim. Em desvios laterais da coluna, como a escoliose ou posturas de apoio em uma perna só, há uma compressão da região lateral do corpo, acumulando gordura e gerando um pneuzinho indesejado no lado comprimido. Ao se equilibrar a postura, o pneuzinho lateral some.
Para os que esperam um milagre, Vidigal explica que o processo é demorado e algumas vezes doloroso. Pessoas com grandes problemas posturais possuem fraqueza na musculatura que mantém a postura, por isso é necessário um fortalecimento muscular que pode gerar dor muscular, assim como um treinamento de academia. Mas em alguns meses o resultado já pode ser visível, até por que, muitas vezes, o que achamos que é celulite é na verdade flacidez muscular. Se associado à dieta e exercícios físicos, o trabalho tem um resultado mais rápido e melhor.
O fisioterapeuta dá uma dica para os pacientes que têm dificuldade em perceber a evolução no corpo por observá-lo todos os dias. Nessas situações, é interessante tirar uma foto no início do tratamento e algum tempo depois, com a comparação mais distanciada é possível ver os resultados e se animar mais com o tratamento.
Se não tratados, os desvios posturais tendem a piorar com a idade. Ele conta que um estudo realizado pela Unifesp com idosos mostrou relação entre problemas de saúde e grandes desvios posturais, indicando haver uma relação entre saúde e postura, ao menos na terceira idade.
Quanto mais cedo acontece o tratamento, melhores e mais rápidos são os resultados. Grandes desvios como escoliose, hiperlordose e hipercifose são tratados com mais eficiência até a primeira menstruação das meninas ou os 15 anos dos meninos, por ainda estarem em fase de crescimento. Depois disso, esses desvios apresentam melhora, aliviando o problema, mas muitas vezes não podem ser totalmente curados.

Foto 1 de 39 - Manter a postura correta apresenta benefícios estéticos por si só, mas o fisioterapeuta Vidigal Afonso Gasparini, da CorpoEquilíbrio Fisioterapia Personalizada, explica que uma boa postura pode auxiliar no combate à gordura localizada e à celulite.
Correto - A postura correta ao sentar é apoiar o peso nos ísquios, dois ossinhos do quadril, bem embaixo do corpo quando sentamos eretos. Ao sentar numa cadeira com espaço embaixo, passe os glúteos pelo buraco, apoiando a lombar no início do encosto da cadeira. O ângulo no quadril deve estar entre 90 e 110º. Na foto, a cadeira é alta demais, repare no apoio para os pés que deixa as pernas com um ângulo de 90º graus no joelho Fotógrafo: Rafael Lasci/UOL - Modelo: Natália Di Nizo Paschoal
 
Foto 2 de 39 - Errado - Nesta posição não há suporte na coluna lombar e o peso do corpo está sobre o sacro (final da coluna), região com uma grande quantidade de nervos e vasos sanguíneos e linfáticos. Nessa posição, a circulação está comprometida, propiciando um acúmulo de líquidos e gorduras nas pernas e abdômen. A inervação é prejudicada, podendo haver até formigamento e dor nas pernas e quadril Fotógrafo: Rafael Lasci/UOL - Modelo: Natália Di Nizo Paschoal

Foto 3 de 39 - Errado - Sentada dessa forma, o peso corporal se projeta majoritariamente sobre o osso do púbis, na região frontal do quadril. O peso do corpo comprime a área das vísceras, prejudicando a circulação sanguínea e linfática, além de poder causar distúrbios do sistema digestivo. Com essa dificuldade na circulação, o aparecimento de celulites e gordura localizada é mais comum Fotógrafo: Rafael Lasci/UOL - Modelo: Natália Di Nizo Paschoal

Foto 4 de 39 - Errado - Nesta foto, ela está sentada sobre o sacro, dificultando a circulação sanguínea e linfática, além de comprimir os nervos. Como a lombar está curvada para frente, o abdômen está sendo comprimido, também dificultando a circulação nesta área e prejudicando o funcionamento dos órgãos viscerais. O pescoço está abaixado, o que pode gerar compressão nos nervos da região cervical. Reparem a posição dos pés, que alcançam o chão apenas com as pontas, gerando sobrecarga no tornozelo Fotógrafo: Rafael Lasci/UOL - Modelo: Natália Di Nizo Paschoal

Foto 5 de 39 - Errado - Esta posição apresenta os mesmos problemas da anterior, porém com uma sobrecarga ainda maior na região cervical e na região torácica da coluna pela posição do pescoço Fotógrafo: Rafael Lasci/UOL - Modelo: Natália Di Nizo Paschoal

Foto 6 de 39 - Correto - Segundo o Vidigal, o notebook é uma ferramenta para uso em curtos períodos de tempo. Para ser utilizado por um tempo maior com segurança é preciso ter um suporte para a tela, usando o aparelho como um monitor, acrescenta-se, então, um mouse e um teclado, transformando a configuração em um computador de mesa. Para o uso por curtos períodos de tempo, essa posição é adequada. O aparelho está sobre uma mesa, a tela está posicionada para que não seja necessária uma grande inclinação do pescoço, as mãos estão apoiadas sobre suporte na frente do teclado e a coluna está ereta Fotógrafo: Rafael Lasci/UOL - Modelo: Natália Di Nizo Paschoal
Foto 7 de 39 - Correto - Em uma postura correta, o quadril deve estar alinhado, com ambos os lados na mesma altura Fotógrafo: Rafael Lasci/UOL - Modelo: Natália Di Nizo Paschoal
 
Foto 8 de 39 - Correto - Na postura de pé é preciso se preocupar com o alinhamento da coluna, com uma leve curva da lordose (acima do bumbum). A barriga deve estar levemente contraída, sem projetar para frente Fotógrafo: Rafael Lasci/UOL - Modelo: Natália Di Nizo Paschoal

Foto 9 de 39 - Errado - Nessa postura a curva superior (cifose) está excessiva, a cabeça está projetada para frente. Podemos perceber que com a projeção da parte superior do corpo para frente surge uma "barriga" que não estava lá quando a postura era correta. A lordose (curva inferior da coluna) também está diminuída, com a projeção do quadril para frente, aumentando a compressão da região visceral Fotógrafo: Rafael Lasci/UOL - Modelo: Natália Di Nizo Paschoal

Foto 10 de 39 - Correto - Com a correção da curva da cifose e o aumento da lordose, colocando o quadril de volta em sua posição normal a barriguinha some Fotógrafo: Rafael Lasci/UOL - Modelo: Natália Di Nizo Paschoal

Foto 11 de 39 - Errado - Nesta outra postura incorreta, a curva da lordose (parte inferior da coluna) está incorreta, o quadril está girado para trás e a barriga projetada para frente. Essa postura é muito utilizada por quem quer aumentar o bumbum, mas pode gerar dores na coluna e compressão nas vísceras, que acabam tendo que ser projetadas para fora, formando uma barriga para frente Fotógrafo: Rafael Lasci/UOL - Modelo: Natália Di Nizo Paschoal


Foto 12 de 39 - Errado - Nesta posição incorreta a curva da lordose quase não existe, o quadril está girado para frente. Nesta posição as vísceras estão comprimidas pelo quadril e acabam aparecendo na frente como uma barriguinha, o abdômen está relaxado, deixando a barriga mole. Além da barriga aparecendo, nessa posição o bumbum desaparece, somente corrigindo a postura já é possível diminuir a barriga e aumentar o bumbum Fotógrafo: Rafael Lasci/UOL - Modelo: Natália Di Nizo Paschoal
Foto 13 de 39 - Errado - Ao apoiar o peso em uma perna, deixando a outra semi flexionada, o quadril fica desalinhado. Com isso, a lateral do corpo de um dos lados passa a apresentar um pneuzinho gerado pela compressão do tecido. Isso também acontece com quem tem escoliose (curva da coluna para um dos lados). A longo prazo, essa posição pode causar um acúmulo maior de gordura no lado comprimido Fotógrafo: Rafael Lasci/UOL - Modelo: Natália Di Nizo Paschoal
Foto 14 de 39 - Correto - Com o realinhamento do quadril o pneuzinho lateral some. Nessa posição as correntes sanguínea e linfática estão livres para fazer seu trabalho Fotógrafo: Rafael Lasci/UOL - Modelo: Natália Di Nizo Paschoal
Foto 15 de 39 - Correto - Ao ficar de pé, é importante prestar atenção na abertura das pernas para não sobrecarregar nenhuma estrutura. Elas devem acompanhar a largura do quadril Fotógrafo: Rafael Lasci/UOL - Modelo: Natália Di Nizo Paschoal
Foto 16 de 39 - Errado - Não se deve abrir demais as pernas, pois isso gera uma aplicação errada de cargas Fotógrafo: Rafael Lasci/UOL - Modelo: Natália Di Nizo Paschoal
Foto 17 de 39 - Errado - Ficar com as pernas totalmente fechadas também não é correto, podendo causar sobrecarga no aparelho locomotor Fotógrafo: Rafael Lasci/UOL - Modelo: Natália Di Nizo Paschoal
Foto 18 de 39 - Correto - Para dormir de lado é preciso utilizar um travesseiro que deixe o pescoço alinhado com o resto da coluna. O ombro do braço que está em baixo deve ser projetado um pouco para frente, para não ser amassado. As pernas devem estar alinhadas com o quadril, da mesma forma que na postura de pé, portanto é necessário um travesseiro para manter o afastamento entre elas Fotógrafo: Rafael Lasci/UOL - Modelo: Natália Di Nizo Paschoal

Foto 19 de 39 - Errado - Nesta posição o pescoço não está alinhado com a coluna, ficando para baixo. O ombro está comprimido embaixo do corpo. Com uma perna flexionada por cima da outra o corpo fica torcido, essa posição não permite um bom fluxo nos órgãos internos Fotógrafo: Rafael Lasci/UOL - Modelo: Natália Di Nizo Paschoal

Foto 20 de 39 - Errado - Em detalhe o pescoço com travesseiro baixo demais, não fica alinhado com o corpo Fotógrafo: Rafael Lasci/UOL - Modelo: Natália Di Nizo Paschoal

Mais fotos visitehttp://noticias.uol.com.br/ultnot/cienciaesaude/ultimas-noticias/2011/04/27/exercicios-para-a-postura-podem-combater-a-celulite-e-a-gordura-localizada.jhtm